quinta-feira, 3 de abril de 2014

Ciclos de aprendizagem: SEDUC faz formação para professores da 16ª CRE

Fotos: Eliana Passarin
Mais de cem professores, das 18 Escolas do Campo da 16ª CRE estão reunidos no auditório da Escola Estadual General Bento Gonçalves da Silva para formação, com o  objetivo de debater  a reestruturação curricular do ensino fundamental, baseado nos Ciclos de Formação Humana. O Coordenador da 16ª CRE Enio Eliseu Ceccagno abriu os trabalhos enaltecendo o trabalho que os educadores realizam nas escolas do campo, desejando que estejam abertos a novas propostas, sempre com o objetivo de" melhorar o nosso fazer".

A  Diretora Geral Pedagógica da SEDUC, Vera Amaro e as Diretoras Esther Soares e Virginia Nunes fizeram uma avaliação dos projetos implementados pela SEDUC. Vera Amaro  afimou que precisamos mudar a perspectiva e que de fato, os  alunos construam o conhecimento e que este tenha sentido a  sua vida. A diretora Geral pedagógica da SEDUC ainda salientou que o Governo do estado optou pela valorização das escolas do campo, diferente de outros governos que fecharam mais de 600  no estado e mais de 10 mil no Brasil. Não concordamos com a lógica do transporte de alunos do interior para um centro urbano, entendemos que a lógica da valorização da cultura local e a interação com o meio em que os alunos vivem proporcionam um melho aprendizado. " A implantação dos cilcos é um processo e uma caminhada", disse Vera.
Diretora Pedagógica da SEDUC Vera Amaro diz que implantação dos Ciclos é um processo e uma caminhada


Para a Assessora Esther Soares , que inciciou lelembrando sua trajetória no interior desde a infância, ela afirmou que o "campo sempre foi deixado de lado, por muito tempo foi renegado os investimentos, classificando e privilegiando determinados grupos em detrimento de outros.
" Nosso governo não tem política de fechamento de escolas do campo, tratamos elas com muito carinho, pois tem um papel social muito importante na comunidade". Quanto aos ciclos Esther afirma que eles rompem a lógica e pensamento de que o conhecimento é igual pata todos e no mesmo tempo, a aprendizagem se da no curso de três  anos e não como hoje em um" " A forma seriada não leva em consideração o potencial cognitivo de cada aluno", diz Esther.

Esther enfatizou que o estado trata as escolas do campo com mesma atenção que as demais
Virgínia Nunes falou sobre a política de RH do estado, com equalização na ecolas



Um comentário:

  1. Estou ansioso para obter mais informações sobre os ciclos.

    ResponderExcluir